GERAÇÃO HEIDI




Há mais ou menos três anos, recebi este e-mail:

Geracao HEIDI VS Geracao POKEMON

GERAÇÃO HEIDI
Têm hoje 30 anos, ou à volta disso. Chamavam-se Anas "qualquer coisa..." (especialmente Cristina, Filipa, Rita ou Sofia). As outras eram Carla, Sandra ou Sónia. Os rapazes eram João "qualquer coisa..." (geralmente Pedro, Nuno ou Paulo) ou Luís Miguel. Muitas mães eram domésticas, e levantavam-se mais cedo para enfiarem almôndegas à força nos termos da escola. As que não eram andavam muito ocupadas nas manifestações e davam dinheiro para comer na cantina. Principal preocupação dos pais: que os filhos dessem em doutores.

Pequeno-almoço: papa de qualquer coisa, se possível com leite gordo e muito açúcar, ou então café com leite. Lanche: uma carcaça mole ensopada de doce de morango ou marmelada. Comida da cantina: carne assada com massa, bife com massa ou jardineira.

Levava-se para a escola: uma mochila verde tipo tropa com fechos de cabedal que encaracolavam no segundo dia e com inscrições dos grupos favoritos. Havia uma régua espetada nos dias das aulas de desenho. Pesavam toneladas. Não se conseguia encontrar os livros escolares. Estavam sempre esgotados porque eram os mesmos para toda a gente. Havia quem os forrasse para passarem para o irmão mais novo no ano seguinte. Na papelaria da esquina comprava-se 1 embalagem de marcadores, 1 afia, 1 borracha, 1 esquadro e era suposto que desse para todo o ano.

Na ginástica, usava-se sapatilhas brancas e fatos de treino azul escuro, encarnados ou verdes com uma risca branca e uns fechos muito desconfortáveis que faziam uma marreca à frente.


Nas aulas: faziam-se cadernos de autógrafos a dizer: "Nas ondas do teu cabelo, ensinaste-me a nadar / Agora que estás careca, ensina-me a patinar". Passavam-se papelinhos.

Nas férias: iam para a casa dos avós ou eram deixados à balda. Vestia-se aquilo que viesse à mão. Blusas verde-eléctrico com golas de bico, calças de bombazine com joalheiras. As meninas podiam ter aplicações de malmequeres de pano, vestiam saias de pregas sem nenhuma forma e sapatos rasos com lacinhos. Ambos: pull-overs às riscas, camisolas tricotadas pelas mães dois números acima, kispos (que deveriam durar quatro anos, no mínimo), galochas amarelas e botas caneleiras. Não havia a Zara. Era normal ser-se muito feio com 10 anos.

Trocavam-se cromos das Maravilhas da Natureza, da Heidi, do Vicky ou da caderneta do Benfica. Em casa brincava-se: às bonecas, aos carrinhos e com os bonecos dos Strunfs. Jogava-se ao jogo da Glória e ao Monopólio. Batia-se nos irmãos. Com os amigos, andava-se de skate, jogava-se ao elástico, o bate-pé e ao quarto-escuro. Alguns ficavam na rua a tarde toda a jogar à bola e a andar de bicicleta.


Lia-se: "A Condessa de Ségur", os "Cinco", as "Gémeas no Colégio de Santa Clara" e a Patrícia, a Mónica, a Mafaldinha e o Astérix. Os rapazes liam o Michel Vaillant. Na televisão via-se a "Abelha Maia", a "Água Viva" e o "Espaço 1999" (em reposição contínua), O Vasco Granja com desenhos animados checoslovacos que ensinavam a atravessar a rua, a Pantera cor-de-rosa e o professor Baltazar. Aos domingos, o Júlio Isidro, o "Sítio do picapau amarelo", "Dallas, o "Homem da Atlântida", os "Marretas" os "Anjos de Charlie" e "Os 3 Dukes".


No cinema: "7 noivas para 7 irmãos", "Sissi", "ET", a "Musica no coração" pela 2934484.ª vez, e"Os malucos" em outras fases da sua existência.


Ídolos: O Chalana, os Queen, Duran Duran, Billy Idol, Bruce Springsteen, Brian Adams, Sheena Easton e Bob Geldolf.

O que se vai recordar: esfregar a sola dos sapatos novos no passeio. A bola da comida de termo no prato. Verdade ou consequência. Os Porcos no Espaço. A tiara de lata da Supermulher, as barbatanas entre os dedos do Patrick Duffy. Os pacotes de Belinhas.

GERAÇÃO POKÉMON
Têm hoje 10 anos ou por volta disso. Chamam-se Joana, Inês e Filipa. Ou então, Marta, Mariana, Madalena ou Rita, sem falar na Cátia e na Vanessa, claro. Os rapazes são André, Tiago, Bernando, Fábio ou Marco. As mães trabalham até às 8 da noite, passam duas horas paradas no tabuleiro da ponte a ouvir a Rádio Nostalgia ou a pensar na vida e sabem que descongelar é uma arte. Principal preocupação dos pais: que os filhos não dêem em drogados.

Pequeno almoço: qualquer coisa que tenha crocante, chocolate e brinde escrito no mesmo pacote. Lanche: donuts, batatas fritas, tiras de milho frito ou snacks de chocolate. Comida da cantina: carne assada com massa, frango com massa ou bife com massa.


Levam para a escola uma mochila de rodinhas. Ou, então, mochilas impermeáveis de marca, pretas ou azul-escuro. Continuam a pesar toneladas. Em Setembro vão ao corredor do hipermercado que diz "Regresso às Aulas" e compram milhares de canetas, aguarelas e lápis de cera. Têm coisas sofisticadíssimas dentro do estojo, principalmente as meninas: borrachas com cheiro a tangerina, elásticos e fitas do cabelo, autocolantes minúsculos e pulseiras.

Na ginástica, as meninas vestem tops e calças de lycra. Os rapazes, calções. Ambos: ténis com sola fluorescente e que não digam "Made in Indonesia". Nas aulas: jogam Gameboy e mandam mensagens pelo telemóvel.

Nas férias: vão para campos de férias moer o juízo dos animadores ou passam 15 dias em Inglaterra a estudar Inglês. Os mais sortudos vão para casa de um amigo. Ambos vestem calças e sweat-shirts com t-shirt por baixo ténis em camurça. As meninas usam brincos, pulseiras, borboletas autocolantes para espetar no pescoço, molas, ganchos, malinhas, gel fluorescente. Há calças especiais para meninas, mais justas em cima. Todos os anos (algumas todos os dias) têm roupa nova. Não é suposto andarem andrajosos, nem no recreio. Conhecem-se as tendências internacionais. Há marcas que usam e outras que só por cima do seu cadáver. Trocam-se cartas do Pokémon e brindes de pacotes de batatas fritas. Quem pode, joga computador e fala num chat da Internet até às 4 da manhã. Vê-se televisão. Bate-se nos irmãos (é bom ver que algumas coisas não mudam). Nunca se brinca na rua porque se pode ser raptado por um pedófilo. O tempo que não se está na escola, está-se no inglês, na natação, no taekondo, no kickboxing ou, então, em casa a olhar para o ar.

Lêem: a colecção "Uma aventura" e outros autores portugueses. Os "Arrepios". "O clube das Amigas". Os mais intelectuais já se atiram ao Harry Potter.

Na televisão vêem: tudo o que os adultos vêem...

Não sei porquê, mas acho que alguma coisa, algures no meio deste processo, não correu bem…
”.

Apesar de não ser tão radical (pessoalmente acho que as coisas são só diferentes), este texto fez-me lembrar daquilo que eu mais gostava quando era pequeno: Os desenhos animados ao fim-de-semana de manhã. De estar com meia hora de antecedência em frente da televisão, a olhar para a mira, primeiro com estática, depois com música foleira (e ao Domingo a “eucaristia dominical”), para não perder um segundo que fosse...

Por uma simples coincidência, descobri pouco tempo depois uma loja que vende brinquedos antigos e entrei por curiosidade. Quando olhei para uma colecção de “PVCês” da Heidi, pensei no que mais gostava quando tinha 10 anos (a seguir aos desenhos animados): Os bonecos das séries da televisão (não sei porquê mas nunca fui um fanático dos carrinhos). Lembrei-me da quantidade de bonecos que tinha e que, quando cheguei à adolescencia, foram todos parar a um primo mais novo ou ao filho da porteira.

A seguir à colecção da Heidi seguiram-se outras e este é o resultado dos últimos três anos....




108 comentários:

Anónimo disse...

PARABÉNS
Exelente blog, vai para os meus favoritos!!!
Hoje só existe um programa próprio para os miudos o Nody! Mas ainda bem que ainda existem pessoas que se lembram do que passava na tv do estado (serviço público). Apenas ficava chateado quando aparecia o homem das patilhas com a tv rural.

Um grande abraço
Cabesta

l3x disse...

Genial!!
Grandes recordações...

Muito obrigado.

Gazac disse...

Adorei este post.

Acho que somos uma geração sortuda. Não trocava aqueles tempos por nada.

Deixo aqui mais umas recordações. Alguém se lembra das armas construidas com tubos de plástico, coladas com fita-cola vermelha, por onde se disparavam projécteis feitos com papel de jornal ou de lista telefónia? Acredito que terá sido o percursor do actual "Paintball". Depois de passarmos tardes escondidos atrás dos arbustos a tentarmos acertar uns nos outros havia sempre o entretem de acertar umas quantas "setas" dentro das janelas abertas dos vizinhos.

E os carrinhos de rolamentos?

Eu ainda joguei ao Guelas, à Sarumba, à Macaca, ao Pião... fazia truques de iô-iô (uns que até eram dados pela Coca-cola, brancos com as bordas vermelhas ou verdes).

E outra bem a propósito do dia de hoje. Saltar fogueiras. Já ninguém salta fogueiras nos Santos Populares. Costumava ser a minha altura favorita do ano. Andava na ramboiada toda a noite... percorria a Vila inteira a palmar caixotes de madeira para queimar. Os donos dos supermercados já não nos queriam ver nem pintados. :) Todos os anos derretia as solas a um par de sapatos...

Enfim... os bons velhos tempos.

Anónimo disse...

Fantásticooooooo eu tenho 28 anos e adorei a comparaçao das geraçoes ai que nostalgiaaaa!! Bjo

Xplod disse...

Venho aqui reclamar, falas da geração dos 30(heidi), da geração dos 10anos (pokemon) mas nao falas de nós da geração 20(Dragon Ball).
Hehe isto sim é q é uma geração, apanháms o bom da geração da heidi e deixámos o bom para a geraçao dos pokemons.

O Condado disse...

Este blog é genial! Que recordações tão boas! Já nem me lembrava dos Kalkitos! Era fanático!

a_mais_linda disse...

bem visto xplod!! vinha aqui reclamar do mesmo, a geração dos 20!!! da geração dos 30 ainda apanhei o modo d vestir na infância, inda temos muitos dos nomes, e o q eu me lembro (não com mt saudade) das bolas de comida saidas dos termos e tambem eu me levantava meia hora mais cedo para esperar os desenhos animados ao fimdsem d manhã!!!...outras coisas foram já um pouco diferentes... acho q já faz falta o blog da geração Dragon ball!!!!!

Netwalker disse...

E os Matchbox e os Majorettes?
Miniaturas fantasticas!

Anónimo disse...

Cinco estrelas! Já não me lembrava de muitas das coisa que aqui vi... Faltam aqui o belo do Spectrum ligado à tv a preto e branco, onde passávamos horas esquecidas à espera que o Chuckie Egg carregasse, sempre com medo que aparecesse a mensagem R. Tape Loading Error...

Anónimo disse...

E a Rua Sésamo? Onde está a Rua Sésamo?

*mary* disse...

Uau! Que espectáculo!!! =D
Embora seja da geração dos 20, lembro-me perfeitamente de assistir religiosamente aos episódios TODOS do Dartacão! (até cheguei a alugar as cassetes no clube de vídeo!)
Bana e Flapi, outro dos meus desenhos animados preferidos...a Heidi... ai ai... :)
Grande colecção! Parabéns!

Lanzuda disse...

Adorei!
Já nem me lembrava dos Kalkitos (o que custou até a minha mãe me comprar!).
De vez em quando vou vasculhar no que anda lá por casa, sabe sempre bem...
E a Árvore dos Patafúrdios? Alguém se lembra?

Pedro Duarte disse...

Hehehe !

Dos bonecos acima, tive a abelha Maia e o índio :)

E os kalkitos, ganda noia !

Bem, e eu passava-me com aquela nave da Era uma Vez o Espaço :)

Pedro Duarte disse...

borrachas com cheiro a tangerina

Já no meu tempo (e no da minha irmã, 5 anos mais velha q eu) havia essas borrachas :)

Pedro Duarte disse...

Sobre os kalkitos, lembrou-me que quando aquilo não aderia bem, os boncecos lá ficavam sem pernas LOL

Inês disse...

Q carinha tão laroca!! Falta ali um beliscão na bochecha e uma beijoca grande da Tia, com um baton côr-de-rosa mto exagerado.
Muito obrigada pelas memórias! São fantásticas. Eu tive a sorte de pertencer à Geração Heidi, mas depois de assistir também à Geração Dragon Ball, através do meu irmão. São as duas especiais para quem as viveu, mas a nossa... ;-)
Alguém se lembra de um gelado que era a cabeça do Dartacão? Tirava-se-lhe o chapéu para comer a baunilha q estava dentro do seu crânio! :-D E do desenho animado do Vasco Granja q era a Princesa q nunca se ria? Alguém se lembra se ela chegou a rir?
Saudades... xxx

Bastet disse...

A bola de comida do termo! Eh, eh, eh! Que saudades! E as mochilas verde tropa com a régua de fora, e os kispos... ai, ai... Obrigada por estas recordações!

Edu@rdo disse...

Lindo. Sou desta geração...

Anónimo disse...

A princesa era La princesse insensible :) Chegou a rir, sim: afinal ela era só meio cegueta e assim que lhe puseram uns óculos ela pôde maravilhar-se com tudo e finalmente sorrir. http://www.youtube.com/watch?v=Vk2Vqu1sSqg&search=insensible

Zohia

Draco disse...

Podem crer que até estou emocionado.
Tive praticamente esta bonecada toda.
Foram os meus companheiros de infância!
Um MUITO OBRIGADO para o autor do Blog. Depois disto só a criação de um museu.

Anónimo disse...

Atão e as joelheiras nas calças e as cotoveleiras nas camisolas?

O que aquilo m'irritava.

Anónimo disse...

ninguém se lembra dos suspensórios???
e dos sapatos com uma chapa metálica em cima!?
o cubo mágico!!!
(descolava os autocolantes...pq ja nao conseguia refaze-lo!!!!)

era super fã do Era uma vez... a VIDA (o globulos vermelhos q carregavam as bolhinhas de sangue eram os meus favotiros!), dos Estrumfes, do dartacão e da abelha-maia (da qual tinha todos os bonekinhos!)

e o aeromodelismo do julio isidro? o meu tio (agora 37 anos)fartou-se de colar peças e peças de aviões, barcos... que eu (29anos) e a minha irmã (27anos) deixamos cair!!!

jogava ao elastico nos intervalos da escola! colecionava tudo que eram cromos e cadernetas!!!

belos tempos!

JQuadrado disse...

PODER de blog... Muito bom mm...
Eu sou um hibrido de Heidi e Dragon Ball mas isto fez-me lembrar milhentas coisas... AAH! Saudade...

Só tenho uma coisa a acrescentar... Levantar ás 7 da manhã e ficar colado á televisão a olhar para equelas barrinhas coloridas e o PIIIII a espera que começasse a bonecada ás 8 da manha, e claro... A Rua Sesamo e as tardes colados á televisão...

TonyPesgueiro disse...

isto é k eram tempos.
á mt mt tempo era eu uma criança...

André disse...

Como é que ainda ninguem falou do Tom Sawyer e do Macgyver... nem do Vitinho...
O pião, os berlindes,o io-io, o elastico...
Ja arranjei o Chuckie Egg na net '=p

André disse...

eu nao sei se já conhecem, mas de qualquer maneira:
www.misteriojuvenil.com ;)

Ines disse...

Zohia: MUITO OBRIGADA!! Nunca pensei q alguém tivésse aquilo gravado!! Se alguém souber onde posso encontrar o último episódio, agradecia.
Eu tinha um Timex... cinzento. O meu jogo favorito era o Bomb Jack. Alguém sabe se existe para PC??? Ainda hoje consigo ouvir o barulhinho q as cassetes faziam! :-D
Lembram-se dos cestos em q transportávamos os termos? Lembram-se do barulho q eles faziam a abrir? E dos pauzinhos com q os fechávamos?
Eu apoio a ideia do Museu! Onde é q é a Loja em q o Marco encontrou estas coisas todas? É digna de romaria, sem dúvida! O Era Uma Vez... a Vida é o culpado por eu hoje em dia ser bióloga! De vez em qd ainda penso no sistema imunitário como naves espaciais!
xxx
PS - "Versão brasileira... Herbert Richards..."!! Q ódio!!! :-D

Nandita disse...

Este post concretiza muitas coisas que eu tenho como verdadeiras ;)
Ok, não sou da vossa geração, ainda so tenho 18 anos, sou qualquer coisa intermédia entre as heidis e os pokemons...
Mas (se calhar é por ser da provincia ;) ) vivi muito do que se descreve como sendo "Geração Heidi".
Parabens...

Anónimo disse...

fogo, como o tempo passa...
já apanhei a geração heidi a mudar quase para "dragonball" mas muito me lembro de tudo o que têm dito!
ZX Spectrum: Bomb Jack e por aí!
Tanto desenho animado fantástico! nem sei o que achava melhor... Era uma vez a vida marcou-me para sempre e acompanha-me desde sempre e ao longo do meu trabalho também!
Dartacão! era de facto algo mórbido comer os gelados mas essas coisas continuam... ;)
ainda tenho marcas das quedas no "recreio" e de andar de bicla pela cidade inteira. Os meus berlindes continuam guardados, bem como os meus Legos e Playmobil. As caricas é que já foram, claro.

Grande blog de memórias!

e sim, vão todos a www.mistériojuvenil.com

abraço grande a todos os que pertenceram de algum modo a esta geração!

Anónimo disse...

Já tudo foi dito antes. A questão que tenho agora é só uma: então e que loja é essa que vende esses "brinquedos antigos"?

Marco disse...

Suponho que o Ricardo não se vai importar: a loja fica ao pé do Campo Pequeno, em Lisboa (Av. Sacadura Cabral, 49 - C/V A, 1000-273 LISBOA).

Também podem espreitar o http://www.toybroker.altivar.net/

Catarina disse...

Fantástico o post! Parabéns

Ines disse...

Obrigada Marco, pela morada da loja. Já anotei a morada e assim q tivér um tempinho dou lá um salto. E acho q vou de pacote de lenços debaixo do braço... para o caso da emoção ser demais para mim...! ;) Talvez a gente se encontre por lá!!
xxx
PS - Realmente, n podias ter nome mais apropriado para este blog... ;)

Carla disse...

Fantástico! Fez-me sentir "velha" no bom sentido! E alguém me diz se tinha no bolso algum telemóvel? Nós não precisávamos de telemóvel! Sou com orgulho da Geração Heidi (29 anos), vivi a Dragon Ball (irmão 20 anos) e agora estou a viver a Pokemon (filho 2anos) apesar de já se evindenciar uma tendência para BeyBlade!

Paula disse...

Que saborosa nostalgia!!!
Há uns anos atrás fui jantar a casa de um grande amigo e deparo com um móvel repleto destes personagens que encantaram a minha infância. Fiquei eufórica, e ao ver o brilho nos olhos dele enquanto me mostrava tal tesouro, recordei a menina de cindo anos, com tótós e sapatos ortopédicos a jogar na rua ao "elástico" e às escondidas. Os marretas!!, o Toppo Gigio (se não é assim que se escreve era assim que eu falava!), a Kitti. Os gelados de gelo da Olá com sabor a limão ou laranja que custavam 20$00! Obrigado Marco, obrigado por recuperares a nossa infância.

Duda disse...

Oi, descobri este blogg por acaso e, deixa-me dizer-te que arrepio-me quando leio estas coisas sobre a minha infância, bolas, aquilo é que eram tempos fixes, não havia batatas de sofá (miúdos gordos) como há hoje, e que têm que ir ao psicólogo e nutricionista.
Bem, os desenhos animados que dava ao domingo e que eu nunca via porque tinha catequese e depois tinha que ir à missa, possa, era uma frustração... A minha tv era a preto e branco...
Lanzuda, eu lembro-me da Arvore dos Patafurdios, tinha uma música muita gira.
Quanto às colecções de cromos, uma vez apanhei umas valentes porradas da minha mãe porque me descuidei e parti o mealheiro para comprar cromos, bolas... doeu...
Bem Marco, o teu blogg tá muito fixe, eu só tenho a acrescentar que no "meu tempo" (tenho 35 anos), também via o Verão Azul, apanhava a camioneta às 7:20 da manhã(hoje diz-se autocarro) para a escola - hoje os pais vão levar os meninos- e levava lanche de casa para comer às escondidas porque tinhamos vergonha de tirar um papo-seco enorme com fiambre da mochila e sermos gozados, jogávamos ao elástico, e na festa da criança que se fazia lá na minha aldeia ia sempre cantar uma canção da altura, lembro-me da música do Marco (que procurava a mãe), das Trocas Baldrocas(Candida), do Ali Bába (Doce), enfim... Bons tempos que não volta mais... Pedofilia? que era isso? Telemóveis??? Qual quê??? Computadores? Quem é que tinha??? Meus queridos Velhos Tempos!
Obrigada Marco e, já agora vejam esta página que encontrei também www.misteriojuvenil.com

Duda

vazdesign disse...

e o sportbilly alguem tem alguma coisa?
ando a procura dos filmes e nem na net há. parebens pelo blog esta lindo

Molly disse...

Descobri este blog por mero acaso (numa pesquisa sobre o Dartacão :))e só posso dizer que "estou maravilhada" :)) são engraçadas estas estas memórias colectivas que me fazem rir e dizer "pois era..." enquanto vou lendo todos estes comentários de toda esta malta da minha criação!!! eu adorava o Misha, os Kalkitos, os Cinco e a Super Mulher!!!

Molly disse...

e os granizados Fá , o Caprisone, as caneleiras (super modernas) os episódios da Fame e o Verão Azul com o nosso amigo Chanquete?

Anónimo disse...

Quando é que voltas ao activo?

Já agora haverá alguem que consiga por aqui a letra da música "ERA UMA VEZ O ESPAÇO" ?
Obrigado.

Molly disse...

:) ;)

lá em cima há planícies sem fim
há estrelas que parecem correr
há o sol e o dia a nascer
e nós aqui sem parar numa Terra a girar

lá em cima há um céu de cetim
há cometas, há planetas sem fim
galileu teve um sonho assim
há uma nave no espaço a subir passo a passo

lá em cima pode ser o futuro
alegria, vamos saltar o mundo
e a rir, unidos num abraço
vamos contar uma história
era uma vez o espaço

lalalalalalala

lá em cima já não há sentinelas
sinfonia toda feita de estrelas
uma casa sem portas nem janelas
é estenderes um braço e tu estás no Espaço!

Inês disse...

Mas, "anonymous", melhor q arranjar a letra, vais ao www.misteriojuvenil.com e exploras bem o espaço Momento Mágico ou vais directamente a http://www.misteriojuvenil.com/filmoteca_espaco.htm e ouves a música mesmo dali! Mas explora bem o Momento Mágico. Vais encontrar mtas outras coisas de q te lembras com certeza.
E isto serve para todos vçs, Heidianos!! ;-)
xxx

Anónimo disse...

obrigado. Eu queria mesmo a letra "escrita".

Molly disse...

não por isso :))

Anónimo disse...

Hola Marco, enhorabuena por tu blog, yo tambien colecciono "bonecos", te he escrito un email, lo has visto?
Un saludo.
Miguel.
mianpebe#yahoo.es

Anónimo disse...

Olá Marco! Os meus parabéns e um muito obrigada por quase me teres deixado de lágrima no olho! Sim eu também me chamo Ana ...Rita e tenho uma filha Madalena e, apesar de ainda não estar nos 30 para lá caminho! è engraçado como dizia alguém que certas coisas continuem intactas na nossa memória e coisas das quais não me lembrava acorrem agora com som e tudo! Realmente é uma pena que os miúdos hoje em dia só gostem de comer donuts em frente ao computador, estamos a americanizar-nos (sem ter nada contra os americanos!!). Eu também tenho muitas saudades do tempo em que passava tardadas a saltar ao elástico... e a Candy Candy, a Princesa Sheera e o He-Man, alguém se lembra? E Ana dos cabelos Ruivos era das minhas preferidas! Quanto aos gelados da cabeça do Dartacão eramo do melhor pk podiamos ficar com o boneco! Já agora alguém se lembra das bombocas, inesquecíveis!

Saudações para todos e um forte incentivo para o Marco, continua!


Ana Rita Aurélio

Anónimo disse...

Ola,

Gostei muito de ler, tb eu pertenço a essa geração, faço 31 ainda este ano. De tudo que foi escrito sem duvida alguma o que mais gostava era da Heidi, mas tb adorava As Aventuras de Tom Sawyer.
Na realidade nao tinhamos tanto como agora, mas tenho a certeza que foi o que tinha que me fez uma criança tao feliz.
Obrigada pela recordação, é bom faz-nos visualizar o passado.

Bjinhos
Alexandra

Susana disse...

Susana Ferreira

Realmente foram tempos lindos...que saudades....adorava os kalkitos, a Candy Candy, o Verão azul até parece que consigo ouvir a música...jogar ao elástico,imitar as Doce, jogar ao Mata ou Piolho ninguem se lembra??? Passava horas nisso e jogava tb ao lencinho, o spectrum!!! eu e o meu irmão passavamos horas nisso, qual sono eram noites perdidas às escondidas da mãe e do pai...o Barco do Amor tb gostava de ver, as sapatilhas Sanjo....tantas recordações e boas, que saudade.
É bom recordar!
Bjs
susana

Susana disse...

Susana Ferreira
Realmente foi uma infancia feliz não foi...?? para a generalidade da nossa geração....ao recordar tudo o k foi escrito a sensação que fica é a de que fomos crianças felizes. Desejo o mesmo aos meus filhos, que eles possam recordar com a mesma sensação com que eu o faço hoje.
Bjs
susana

Anónimo disse...

Lindo. Ate me emocionei.

Anónimo disse...

Excelente! Lembro-me de 90% do que aqui está... que saudades! Parabéns pelo blog e pelas memórias que traz!CM

Silvia disse...

Ri, sorri, ri outra vez e até me emocionei... e posso dizer com toda a certeza que não sou uma pessoa de choro fácil - antes pelo contrário (que vos digam as minhas irmãs...LOL)! Lembro-me de tudo - até de algumas outras coisas que outros como eu, neste espaço partilharam suas recordações. Numa palavra: AMEI. É bom sentirmo-nos "em casa", a partilhar estas pequenas coisas que nos ajudaram a sermos as pessoas que somos hoje! Obrigado por não se esquecerem! SISA

Ricardo disse...

Obrigado... Muito obrigado...

tenho uma vontade de brincar com os kalkitos...

Do fundo do coraçäo, obrigado!

Este blog, é para mostrar aos meus filhos!!! (quando os tiver)

loop disse...

*errata*
ao pekeno-almoço e lanche mtos comiam apenas pão com manteiga e leite em pó c cola-cao c bolachas maria

Caty disse...

Parabéns pelo blog , foi engraçado ter dito que ficava a olhar para a mira à espera que a emissão começasse pois eu e minha irmã faziamos exactamente o mesmo.Foi bom recordar e quando nos emocionamos ao ler e reviver estas pequenas grandes coisas é sinal que tivemos uma infância feliz.Voltarei ao seu blog mais vezes. BJS

Bruno disse...

Epá... Até me arrepiei a ver o blogue...
Tenho 32 anos e mais de 90% do que aqui vi tocou-me bastante...
A grande pergunta é: para quando um museu? Eu iria de certeza levar lá a minha filha para lhe mostrar aquilo que me fez sonhar em criança.
Um abraço!

Vera disse...

Parabéns pelo blog e, principalmente, obrigada.
Adorei relembrar as pequenas coisas da infância. Tenho 26 anos e o que li descreve na perfeição a maravilhosa infância que tive - desde os rituais dos desenhos animados (continuo à procura de uma referência a uma série de animação japonesa da altura mas ninguém parece lembrar-se :( , bem como a colecção dos bonecos de animação que nunca mais encontrei em nenhuma caixa na cave, e principalmente o brincar na rua todos os dias! Enfim...
Adorei

Rebel__Rebel disse...

Se calhar por pertencer aÀ geração intermédia da que é falada na carta (fui criança na decada de 80) poderei falar um pouco de ambas as decadas. Não cheguei a assistir a séries como a Heidi e o Marco, mas vivi o despertar de Portugal para o conceito de séries animadas feitas para vender brinquedos, que apesar de carecerem da qualidade argumentativa das aqui mencionadas , têm hoje uma legião de fãs bastante grande, muito devido ao facto do sentimento nostálgico. No entanto também brinquei com game boys e jogos electrónicos dos quais guardo igualmente excelentes recordações.

Posso garantir que a "geração pokemon" irá igualmente guardar boas recordações. Tal como para mim, a Heidi e o Marco não terão qualquer significado para eles, mas é bem possivel imaginar jovens daqui a 10 anos a colecionarem figuras dos Power Rangers, do Action Man actual (aquele desprezado pelos coleccionadores quarentões) e do pokemon, bem como cartuchos da N64 e do gameboy advance.

Na minha opinião as coisas não estão portanto bem nem mal. Apenas se dá uma evolução natural das coisas. O autor do Email não terá portanto parado para pensar que também a geração dos seus pais guarda boas recordações de uma infância em que provavelmente nem televisão tinha?

Parabéns pelo blog. Apesar de não ser a minha área de coleccionismo vejo que conseguiu reúnir aqui uma série de informações referentes a alguns items exclusivos de Portugal, coisa difícil de apanhar na net.

Anónimo disse...

Helena (29 anos)

Adorei ler o post e os vossos comentários!!! Muitos Parabéns pela colectânea de memórias da nossa infância.

Outras coisas de que me lembro:
- Nascíamos todos com defeitos nos pés e tinhamos de usar as botas ortopédicas e as palmilhas
- O gelado que a minha mãe mais nos comprava era o Epá (para não nos borrarmos todos)
- O pão do lanche era, por vezes, esquecido dentro da mochila e transformava-se em arma de arremesso passados uns dias
- As festas de aniversário eram em casa dos pais e não numa sala do McDonald's ou do Pizza Hut.
- Andávamos de bicicleta na "terra dos avós", onde passávamos a Páscoa e o Natal.
- As meninas faziam colecção de "folhas queridas" e compravam Bravos e Popcorn para colar os posters dos Bros, Christian Slater e River Phoenix na parede do quarto.

Bjs para todos!

Anónimo disse...

www.ruafresca.blogspot.com gerações em conjunto.

Leonor Martins disse...

FANTÁSTICO!
Grande momento...recordar anos tão fantásticos...foi uma viagem no tempo...lembrei-me do sandokan e de beber pirolitos, comer taos, e a mania das petazetas, e ver carrossel mágico e da minha tucha e nancy...e de cortar o meu cabelo para fazer cabeleiras postiças :D...e das bonecas de cartão com roupa de papel...e do vai-e-vem...edo fato de banho com peixinhos e do hula-oop e dos spandau ballet...e das fotografias tiradas no jardim do campo grande por uma maquina envolta em pano preto...e....e....PARABÉNS

Anónimo disse...

É engraçado ver a quantidade de pessoas que se lembra dos mesmos desenhos animados e das séries de televisão... Por isso gostava de partilhar convosco também algumas recordações da minha infância. Os desenhos animados que mais me marcaram na Infância foram a Abelha Maia e a Candy Candy. Lembro-me que quando vinha da escola (à tarde) ia a correr ligar a tv e via com a maior atenção a Candy Candy. Se não a podia ver, chorava. Era muito importante ver (não havia videos nem cassetes para gravar! Muito menos gravadores de DVD e DVD's) ou se via ou se perdia para sempre! E o que chorei quando o António (o amor da Candy) morreu, de um acidente de cavalo; chorei imenso!... Também me lembro do Verão Azul, da imagem dos rapazes em cima das bicicletas a assobiarem... Também eu era doida por andar de bicicleta com os meus 5 primos, todos em fila! E de saltar à corda e ao elástico. Escrever cartinhas e colocar debaixo da porta :) de ir com a minha mãe à mercearias de rua. vendiam lá de tudo. Era comida, produtos de drogaria, papelaria... tudo junto sem qualquer ordem e com os cheiros fortes todos misturados. Das guloseimas, lembro-me das bombocas (de baunilha e de morango) vendidas à unidade, em cima do balcão tapadas por um paninho (não fosse uma mosca pousar nelas!), dos chocolates Regina. Também me recordo dos cornetos da Olá a 25$oo e das pastilhas pirata a 0$25! E de umas máquinas de amendoins, que se encontravam na rua em cima dos passeios, onde se punha uma moeda, rodava-se uma patilha e lançavam uma mão cheia de amendois por uma portinha metálica. Mas há um ritual que fazia muito em criança e ainda faço. Quando vou à praia da Ilha de Tavira (onde em criança passava todos os meus verões) como sempre uma bola de berlim. E esse é o único sítio onde as como! :)
Su

Alicia disse...

Que lindos, algunas de esas cosas llegaron a Peru bajo otro formato como Galeria de Walt Disney, aqui era un album rojo.

Muy linda tu pagina

MANU disse...

MUITOS parabéns pelo empenho e, sobretudo, PARABÉNS pela capacidade de fazeres dar sentido à portuguesíssima palavra "SAUDADE" !!

Anónimo disse...

Very cool design! Useful information. Go on! »

alosttoy disse...

Parabéns!
Este site inspirou-me e continua a ajudar-me a completar a minha colecção. Felizmente consegui recuperar muitos dos meus bonecos de infância. Estão aqui.

http://www.ofiuza.org/thecollection

Ψ ﺴ Ρяϊη¢єىå ﺴ Gµєяяєϊяå ﺴ Ψ disse...

Olá Marco!
Adorei o teu blog, aliás estás de parabéns pelo imenso trabalho qe tiveste em reunir toda esta informação.
Não me chamo Maria, nem Ana, rsrs, eu fui brindada com o nome dos padrinhos, recordaste? Do pior... não havia opção para a pobre criança! (ainda agora tento omitir o meu primeiro nome, rsrs).
Foi óptimo sentir que ainda há tanta coisa intacta na minha memória...
Acabei por me rever de botas ortopédicas e aparelho nos dentes, a riscar kalkitos, a comer bombokas e a colar cromos da Candy Candy!
Quando puderes faz uma visita ao meu blog: http://palavrasdemasiadosolidas.blogspot.com/

Obrigada por estes momentos de rara saudade e felicidade!

Bjos para todos!

Laura disse...

Genial!!!
Adorei, pena q só cheguei agora e parece que já cá não estás.
Ah e tenho 35 anos, e li-me no teu post.
Beijos

Marco disse...

Tou, tou...

;-)

Míudo de 10 anos disse...

POKÉMON POKÉMON!!!!!!
EU QUERO SER MAIS QUE PERFEITO MELHOR DO QUE A IMAGINAÇÃO APANHA-LOS É O MEU JEITO TREINÁ-LOS A MINHA MISSÃO!! XDDD
POKÉMON 4EVER!!!!

Míudo de 10 anos disse...

http://www.youtube.com/watch?v=feVd3CBO3LE

Anónimo disse...

Parabens
Grandes lembranças
so falta um: Naranjito e o mundial 82

Anónimo disse...

:)

não há comentários para descrever as recordações e emoções nestes 10 minutos...

Obrigada!!

JC disse...

Olá Marco!

Cruzámo-nos há pouco na Toy Broker...
Será que me podes mandar um mail para jc81pt@gmail.com?
Precisava de trocar umas ideias contigo.

Abraço

oct disse...

porra! tou velho!

QJ disse...

outros tempos, outros momentos, lembranças antigas

o que vale é que hoje temos a internet que nos ajuda a relembrar estes momentos

Anónimo disse...

Boas sou deste tempo, velhos tempos.
ando pela net à procura destas séries.
Naquele tempo fazia colecção de cromos, agora faço colecção de episódios das séries daquele tempo.
Já agora faço uma pergunta a heidi tem 52 episódios na versão espanhola a Portuguesa 38. garcy415@sapo.pt

estrela disse...

Ainda bem que alguém falou no Verão Azul... na Ana dos Cabelos Ruivos (adorei, tanto em desenho animado como em filme)...
E os brinquedos? Quem não tinha uma garagem de serviço com elevador... a Joana (que fazia bolhinhas de sabão)... quem não passava horas a jogar à Batalha Naval... aos Nomes e Terras...
E o Festival da Canção? O Natal dos Hospitais? O 1,2,3 e a sua Bota Botilde!!
E dos Ravioli, alguém se lembra?
E do Bocas??
(Tenho 32 anos e confesso que vi com entusiasmo o Dragon Ball.)
Também tenho pena que os meus filhos não possam brincar na rua com os vizinhos: jogar ao elástico, à apanhada, às escondidas, ao Macaquinho do Chinês, aos 7 Cavalinhos da Batalha... Só que também me lembro de ouvir os meus avós dizerem que no tempo deles é que era!! Que faziam os próprios brinquedos, etc, etc... Já imaginaram o que vai dizer a geração Shrek? Ah pois é...
A nossa geração foi maravilhosa, a geração rasca, a que andou a barafustar contra a PGA!!! - Mas, aqui para nós que ninguém nos ouve, achavam assim tão maravilhoso que tivéssemos um computador ligado à tv a preto e branco (que só ligávamos à tv a cores quando estávamos sozinhos...)?, a esperar montanhas de tempo que o Chuckie Egg entrasse e depois: pluf!!
Outra coisa. Alguém mais gravava as música da rádio?? Música sem princípio e sem fim, com o locutor a falar pelo meio (que ódio)... tudo pelos Bross e pelo Rick Astley? Mas pronto, antes os Bross que a Floribela!!!
Adorei o Blog: vivam as pastilhas Gorila com sabor a laranja... as colecções de folhas com cheiro... as canetas com 10 cores... aquélas coisinhas que metíamos na boca e que estalavam (não faço a menor ideia do nome!!)... o Bell e Sebastião... os elásticos remendados... as caricas... os Tou's do Bolicao... a moda das boinas pretas... da roupa TODA preta... do Clube dos Amigos Disney ao domingo à tarde... e, para terminar, um grande viva para o grande Verão Azul. Sem dúvida o maior.
Agora temos o Lost e o Prision Break, o Shrek e os Gatos Fedorentos... já não temos o TV Rural nem que esperar que acabe a Missa Dominical para ver alguma coisa na tv...

Nuno Mata disse...

Olá.

Não posso deixar de elogiar o blog e quero dizer que tenho o meu próprio blog sobre figuras que coleciono e que pode ser visionado em www.btoys.blogspot.com
Este meu blog mostra apenas coleções que possuo e tento contar a sua história o melhor possivel.
No entanto a grande novidade é que abri um hospital de figuras www.actionfigurehospital.blogspot.com e gostava que desses uma volta para apreciar o nosso trabalho e para o divulgar.
Sou frequentador do toy broker de Lisboa e foi ele que me indicou o teu blog.
Parabens pelo teu trabalho, sei perfeitamente o que é ter um blog de figuras e a paixão que nos leva a fazê-lo

Um Grande abraço

Nuno Mata

ricardo disse...

Olá marco. gostaria de trocar umas palavrinhas consigo. é possivel?

o meu mail é ricky3805@hotmail.com

obrigado

elsa disse...

adorei, foste tu que escreveste o texto antónio? está muito giro! até que ainda estás ligeiramente parecido com a fotografia!muito giro!

Finha disse...

Espetacular!!!
Alguém por aí tem alguma informação em português sobre Barbapapa. Existe um site oficial (inglês ou francês), mas informação em português, a nossa realidade, não encontrei nada - alguem pode ajudar? Obrigads

Pedro Figueiredo disse...

venda-de-garagem.blogspot.com

EmmaTheias disse...

Obrigada pela partilha deste blog!
Andei a passear por aqui e já o guardei nos meus favoritos, também adicionei no meu blog.
Até breve

LEMCB disse...

Adorei até agora o que vi e li neste blog. Que memórias! E hoje, por mais incrível que pareça, passados mais de 30 anos, fiquei a saber o verdadeiro nome de alguns bonecos que tinha:)

Parabéns!

Ana Paula Afonso disse...

Para Marco acho esta última foto parecida com uma outra... Gostei muito! Na cantina faltou o peixe frito com feijão frade e nos nomes a Ana Paula...

Está excelente! Posso dar contributos... eheheh Muitos!

Bj

Laura disse...

Confesso que venho aqui regularmente só para reler...
faz-me bem.
Mais beijos

paulo oliveira disse...

Excelente blog,como sou coleccionador,especialmente de Star Wars,tomei a liberdade de usar algumas fotos do seu blog para fazer um portfólio de material que tenho.Aproveito também para informar que troco figuras vintage e vendo tambèm.

Carla Guerreiro disse...

Opa! Que blog estupendo!!!
Eu também pertenço à Geração Heidi!!!

Carla Guerreiro disse...

Opa! Que blog estupendo!!!
Eu também pertenço à Geração Heidi!!!

paulo nunes disse...

adorei ainda tenho alguns destes bonecos que passei aos meus filhos so tenho pena de não ter as coleções compeletas parabens.se houver alguem que tenha para vender lige-me 933567234 paulo nunes

Anónimo disse...

Não é verdade que a geração Heidi tenha 30, mas 40. Para quem quiser seguir todos os episódios da Heidi eles estão todos disponíveis no You Tube (www.youtube.com) em versão castelhana que é, aliás, muito mais simpática e ternurenta que a estridente e histérica portuguesa. As vozes em castelhano são muito mais enternecedoras). Basta escrever no you tube.

Pedro disse...

Tenho 34 anitos e também via o Dragon Ball! Alias, todo o pessoal na universidade includindo profs bassavam pró café pra ver os 15 minutos do SanGoku! Que brilhante. E lembram-se da Cidades de Ouro?! Talvez seja os mp3 que o meu irmao (27) me deu com 14 musicas da banda desenhada desta altura (heidi, abelha maia, bani flappi...) mas, mesmo pra quem nao se emocione tao facilmente, pra mim verdadeiramente emocionante! Eu gostaria que a minha filhota de 3 meses um dia visse algumas destas series, animações 'como deve de ser' :) feitas a mâo!
Marco, obrigado por nos trazeres a nossa mocidade nem que seja por 10 minutos.

carmonix disse...

Que blog fantástico...parabens...só de pensar que tinha tantas coisinhas destas e que ficaram no tempo...como é bom revelas em tão bom estado...abraços

CABO NAPOL "EÃO" disse...

Caro Marco
No meu blogue destaquei o seu blogue, veja no meu último post de 5 de ABRIL.
www.acargadabrigadaligeira.blogspot.com

Parabéns pelo seu blogue

Sísifo disse...

Anos oitenta: forever!

André Mergulhão O disse...

Mtos Parabens pelo Blog.
Gostaria só de perguntar se alguem ainda se lembra dos BarbaPapas?
Gostei mto e vai tb para os meus favoritos. Continuação de um excelente trabalho.

cristina disse...

ola.tenho algo que para mim é bastante valioso já deve ter os seus 35anos é os almanaques todos que sairam da heidi;tenho algumas cadernetas ainda dessa altura,as figuras também tenho algumas desde a Heidi aos Marretas,etc...tenho tudo guardado.Parábens pela tua colecção

Dulce disse...

Haja alguém saudoso como eu,que vou às lágrimas com tudo isto!Aos 31 anos vejo que nós tivemos uma magia que hoje se perde,na imensidão de brinquedos e canais de Bonecada!Obrigada!Anos 80 sempre!!!

Anónimo disse...

Eh pá tenho 43 anos e é óptimo relembrar a minha infância. Grandes momentos! Uma infância cheia de boas e enriquecedoras experiências. Parabéns ao autor do Blog e aos diversos autores dos comentários. Grande abraço

Consultora Educacional disse...

Gosto muito dos artigos de seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver meu Curso de Informática online.Emily Nascimento

Anónimo disse...

olá marco. sou jornalista, gostava de o contactar para um trabalho que estou a fazer. será que me pode facultar o seu endereço de e-mail? o meu é ana.c.m.gomes@gmail.com

Anónimo disse...

Adorei lembrar todos os momentos!

Muito obrigado...

LFM disse...

Pura e simplesmente:
OBRIGADO

Dora disse...

No que respaita a cantina falta um prato muito comum na minha: solha frita! Inda hoje me recuso a comer.
Muito bom, adorei ver os genericos.
Obrigada

Jorge Oliveira disse...

So faltou falar mesmo dos bonequinhos plasticos que saiam no "OMO" sim porque ainda nao havia "SKIP" e a roupa lavavasse á mao

Joel disse...

Hi, I came across your site and wasn’t able to get an email address to contact you. Would you please consider adding a link to my website on your page. Please email me.

Thanks!

Joel Houston
JHouston791@gmail.com

Anónimo disse...

Hi there to all, since I am genuinely eager of reading this blog's post to be updated daily. It contains fastidious information.

Also visit my page :: acheter vue youtube
my page > augmenter vues youtube logiciel